Skip to content

It Up!

Category Archives: cabelo

>

Tenho uma queda enorme por dreads, acho muito lindo. Hoje “dreadei” os cabelos, não ficaram tão definidos como eu queria, mas gostei. Quem quiser tentar em casa (para dreads light rs) é só passar uma pomada, separar algumas mechas e torcê-las separadamente (como se tivesse fazendo cachos), depois que elas ficarem um pouco definidas, é só juntá-las e torcer fazendo um coque. Deixe o cabelo preso por aproximadamente meia hora, quando soltar vai parecer o Bob Marley (kkkk brincadeira).

Vejam o look e os dreads (tentativa rs).


Pra ver maior, clique nas imagens.

Beijão!

>

Esse editorial tá bem legal, mas o postei aqui só por causa desse cabelo. Gente, ele tá na minha lista de desejos, que no momento só tem um único item. É pedir demais? rs
Apesar do cabelo “natural” da modelo não ser assim, mas… É o cabelo mais lindo do mundo! kkk
Magda Klebanska by Tino Crisó
Magda Klebanska by Tino Crisó
Magda Klebanska by Tino Crisó
Magda Klebanska by Tino Crisó
Magda Klebanska by Tino Crisó
Magda Klebanska by Tino Crisó
Modelo: Magda Klebanska

Fotos: Tino Crisó

Um dia consigo! rs

Beijão e uma ótima semana!

>

Duvido que o Fabuloso Destino de Amélie Poulain não esteja entre seus favoritos. Pra mim, ele está no topo dos melhores, é um dos que mais me comoveu (me identifico um pouco com a Amélie). O roteiro é incrível assim como o visual do filme, sem falar na trilha sonora impecável e na atuação fantástica da linda Audrey Tautou. Aii, esse filme me faz suspirar de tão perfeito. Sua perfeição vem da simplicidade cotidiana dessa história.

O estilo Amélie fez e continua fazendo sucesso entre as suas “fãs”. Talvez o cabelo seja um dos mais copiados desde que o filme foi lançado em 2001. Apesar da personagem não ligar a mínima para o que está usando (por está ocupada em mudar o mundo ao seu redor), seu modo de se vestir também inspira muita gente que se importa, e muito, com moda.












Ingredientes do look Amélie:
-Cabelo preto chanel, franja curtíssima;
-Maquiagem sutil, lábios vermelhos;
-Sua marca registrada é o uso das cores e combinações com verde e vermelho (saias e vestidos midi, cardigans, casacos, poás);
-Sapatos oxford (Dr Martens) e meias pretas fazem parte em quase todos seus looks.
Criei 4 looks Amélie: dois bem ao pé da letra e outros dois adaptados.



Vejam o trailer do filme. Quem não viu, recomendo!
Amélie conseguiu provocar mudanças na vida de algumas pessoas ao seu redor e, por último, a dela própria. Ela te ajudou a mudar de alguma forma?

>

De vez em quando bate em mim uma vontade de aderir um corte, melhor dizendo, nenhum corte, em outras palavras, ficar mesmo careca. Acho lindo! Só que em mim, tenho certeza que não cairia muito bem devido ao formato nada atraente do meu crânio e das marcas, que não são poucas, herdadas da minha infância (rs).

Pra muitas mulheres, os cabelos são a parte do corpo que mais se preocupam e cuidam, ficar careca, pra maioria, causa sem dúvida o “complexo de Sansão”, tipo “quem sou eu sem meus cabelos?”(rs). A única mulher (que conheço) que manteve o corte por muito tempo foi a cantora Sinead O´Connor, além dela não sei de outra que raspou a cabeça por vontade própria (ignorem Britney, ela não sabe o que faz rs), mas por causa do trabalho.
As que adotaram o corte

Natalie Portman

Sinead O´Connor

Carolina Dieckmann

Demi Moore

Camila Morgado

Britney em ação (rs)
Como ficariam algumas famosas se raspassem suas cabeças

Jessica Alba

Jennifer Aniston

Nicole Kidman

Christina Aguilera

Marilyn Monroe

Angelina Jolie
E vocês, já passou essa loucura pela cabeça ou se imaginaram careca?
Deixo vocês com a careca assumida Sinead O´Connor. Beijão!

>

Quando se fala em cabelo chanel, o que vem a nossa cabeça imediatamente? Sim, aquele cabelo curto com corte reto na altura do queixo e liso (um cabelo impecável). O chanel nunca sairá de moda, mas hoje ele tem outras versões, que eu as chamo mais democráticas porque qualquer mulher pode aderir ao corte, claro que tendo alguns cuidados e atenção ao formato do rosto.
Tipos de chanel, além do clássico:
-Médio ou na altura do ombro;
-Repicado, assimétrico, com a nuca curta;
-Com franjinha;
-Cacheado, ondulado, volumoso (controlado) e com movimento.
Restrições:
-Rosto oval: chanel abaixo do queixo;
-Rosto comprido: desfiado e comprimento maior;
-Rosto quadrado: corte com a nuca alta e franja.

(eu há dois anos de chanel que eu mesma cortei e super magricela kkk)







Pra quem quer ficar loira, mas não totalmente (rs), pode fazer a transformação sem medo. As mechas californianas ou ombré (clareamento dos fios a partir do meio dos cabelos até as pontas, deixando a raiz na cor original, formando um degradê) continuam em alta e terá uma adesão maior neste verão já que combina muito com a estação. Em cabelos mais escuros, o melhor é dar o efeito de “queimados” pelo Sol com cores como o chocolate. As técnicas também são democráticas – combinam em qualquer cabelo: do liso ao crespo, do preto ao loiro, do curto ao longo.




Aqui um tutorial de como fazer mechas californianas.
E vocês, já aderiram ao chanel e/ou loiro não-clássicos? Que tal?
Beijão e um ótimo domingo!

>

O undercut (não sei qual o termo usado no Brasil) é aquele corte em que o cabelo é raspado de um ou dos dois lados e em outras versões também. Seja como for o corte, deixa-se a parte de cima ou da frente num comprimento maior. O maior ícone desse corte é a modelo brasileira Alice Dellal (adoro o estilo dela). O corte tem ganhado maior destaque aqui no país graças à estilosa Guilhermina Guinle na versão curta do cabelo. Não sou nenhuma cabeleireira, mas pra mim, o corte só fica bem em pessoas de rosto fino e alongado. Pra quem tem o rosto redondo não dá mesmo, fica muito estranho (pra não dizer feio rs).

O massa é que o undercut é um corte pra meninas e meninos.




(gente, essa menina muito estilosa é daqui de natal, não lembro o nome dela)
















Se você tem um visual bem moderno e descolado, o corte é ideal! Só não vou aderir ao undercut porque o formato do meu rosto não permite (rs). Depois faço no meu marido pra vocês verem como fica massa em homens.

E vocês, o que acham do novo mullet? rs
Beijão

>

Fui convidada (a-d-o-r-o) pelo estilista Riccardo San Martini para fazer o making of do desfile da sua coleção EU SOU! (cabelo e maquiagem) que teve como inspiração os chakras. Como em todos seus desfiles, a Cida foi quem assinou as “cabeças do Riccardo San Martini”.

A Cida trabalha como cabeleireira desde os anos 80, mas na infância já sabia o que queria. A escolha da profissão talvez tenha tido influência de sua mãe que era cabeleireira e costureira. Aos 12 anos ganhou do seu pai uma tesoura de presente. “Saí cortando os cabelos de minhas amigas e levei uma surra“(risos), conta Cida. Antes de cortar os cabelos das amigas, cortava os cabelos das bonecas de milho quando era criança.
Em 1996, especializou-se na Itália na área artística, que “é o que mais gosto de fazer: arte no cabelo“. A Cida está antenada em tudo que rola no mundo, em relação às novas tendências para cabelos. Por isso é que sempre viaja para trazer as novidades de fora, participando de cursos aqui e fora do Brasil, inclusive na conceituada Academia Toni&Guy em Londres (chiquérrima!) onde cursou corte artístico.
Além de trabalhar com beleza, a Cida é artista plástica e já teve suas obras expostas na Capitania das Artes. Uma de suas obras mais “loucas” no melhor sentido da palavra foi modelar uma cabeça e colocar mechas de cabelos de pessoas religiosas já falecidas guardadas pelos parentes (que logo após a exposição foi devolvida) e recortes de rostos de mulheres famosas como Marilyn Monroe intitulada “A Que Espera”.

Em relação ao desfile da coleção EU SOU!, o Riccardo deu total liberdade
(“depois de muita luta“) à Cida para que ela escolhesse o cabelo usado no desfile no Natal Fashion Week. Já que a coleção fala da questão do “tornar-se a ser o que se é” (eh, também há filosofia na moda), Cida teve o seguinte raciocínio: “chakras>harmonia>Terra>bola!”. E foi essa a inspiração dela, criar penteados a partir de bolas. Vejam o processo passo-a-passo e o resultado.
O make do desfile ficou por conta dos talentosíssimos Michel Ligeon e Leo Santhiago que fazem parte da equipe da Cida. Olhos coloridos e boca marcada.
O resultado foi este, mas deu trabalho! Ufa!

As meninas (modelos)

O make colorido inspirado nas cores dos Chakras



Os maquiadores:
Leo Santhiago

Michel Ligeon

Cida e sua Arte









Riccardo San Martini e o performer ginasta Fabrício Senna


E pra fechar este post deixo a resposta da Cida à minha pergunta inspirada na coleção EU SOU!:
Mag: Quem é a Cida?
Cida: EU SOU enlouqueCIDA! (adoro!)
Agradeço ao Riccardo San Martini e à Cida pela disponibilidade e simpatia com que me receberam.