Skip to content

It Up!

Category Archives: china

>

Há alguns anos atrás vi um documentário chinês do cineasta Jia Zhang-Ke que me chamou muito atenção pela crítica ao sistema de produção capitalista chinês, o qual é totalmente massacrante e insensível às consequências sobre a população e cultura milenar do país. No caso do filme, os “escravos” da indústria têxtil e alguns mineiros. Porém, por outro lado, conheci o trabalho genial e humano de uma estilista, também chinesa, muito conhecida no país, Ma Ke. O filme também faz uma homenagem a esta artista da moda. Mostra todo o processo artesanal e orgânico de criação da estilista que chega a enterrar as peças para criar uma identidade e ligação com a terra, dando valor ao que naquele momento pode ser “Inútil”, mas que num outro seja valorizado.

Inútil (Useless/Wu Yong) é o conceito do trabalho de Ma Ke. Ela é considerada uma estilista “anti-fashion”. O final do filme, com o título da marca da estilista, mostra os preparativos do desfile-instalação nada convencional (Paris Fashion Week 2007): os modelos são artistas de rua e pessoas comuns (mulheres, homens, crianças, velhos) sobre caixas de luz branca que vão sendo acesas e revelando as criações da estilista; e quem desfila são os espectadores (o evento foi aberto ao público). Nas criações de Ma Ke Wu Yong, são utilizados materiais simples: algodão,lona, algumas peças em tricô, tinturas vegetais.
Para Ma Ke “a utilidade não me interessa mais. Quero trabalhar com o que pode parecer sem uso agora, mas que poderá vir ser a base dos valores do futuro.” Ela propõe uma moda confortável e simples, foi por isso que lançou seu trabalho no mercado. “Não conseguia compreender porque a moda tinha que ser tão fútil” diz Ma Ke. Ela já assinou coleções na badalada grife chinesa Exception de Mixmind. Só vendo o trabalho lindíssimo e nada fútil da designer.
Ma Ke no filme de Jia Zhang-Ke, Inútil (Useless, Wu Yong)

A coleção no filme, na semana de moda e no museu












O trabalho da estilista na grife Exception de Mixmind




Da semana de moda para o museu. Desfile em meio as criações de Ma Ke!
Nem tudo que é made in china é de má qualidade!
Beijos!

Anúncios