Skip to content

It Up!

Category Archives: riccardo san martini

>

O falando nisso de hoje tem tudo a ver com os últimos posts que deram muito pano pra manga. O editorial Dias de Alice tem flashes do jovem e talentosíssimo fotógrafo natalense Andrey Lourenço. As modelos são do casting da Tráfego Models também aqui de Natal. As roupas são dos estilistas, também natalenses, Juraci Lira, Jady Rocha e Riccardo San Martini (não é natalense, mas atua aqui) e da loja Jacinto. As maquiagens lindas ficaram por conta de Leo Santhiago e Eduardo Alencar.
Roupas Juraci Lira, Jacinto; Make Eduardo Alencar:

Alice (Thaysa Belo)


Lebre de Março (Brenda Pontes)


Roupas de Jady Rocha; Makes de Eduardo Alencar:
Gato de Cheshire (Débora Ferrer)


Rainha Vermelha (Raiane Cavalcante)

Roupas de Riccardo San Martini; Make de Leo Santhiago:

Rainha Branca (Camila Lemos)

Tweedledee e Tweedledum (Alice Alves)


Lagarta (Ana Clara)


O Chapeleiro Maluco (Amanda Muller)


Coelho Branco (Natália Carvalho)


Este é um dos editoriais de moda mais lindos que já vi, sem querer puxar a sardinha pros artistas da moda de Natal. rs
Beijão!
Anúncios

>

O post de hoje mostra todos os looks inspirados nas personagens de Alice que foram montados pelas blogueiras, além da visão conceitual do estilista Riccardo San Martini e os cosplays.


Os Cosplays



O idealizador do evento, Andrey Lourenço e as personagens de Lewis Carroll


Coelho Branco por mim, Mag

Rainha Branca por Clara do blog O Espartilho

Jardim das Rosas Falantes por Lara do Moda It

Os gêmeos Tweedledee e Tweedledum por Lih do Aposta Certa

A Rainha Vermelha por Luana do De Carona na Moda

Alice por Nara do Segredos Fashion

O gato Cheshire por Ferndada do Peça Chave

O Chapeleiro Maluco por Klécia do Coisas da Klécia Galvão

Looks conceituais de Riccardo San Martini

A Rainha Branca

O Chapeleiro Maluco

O Coelho Branco

Gostaram? Eu adorei!
Beijão!

>

O 11º Natal Fashion Week aconteceu no Hotel Pirâmide nos dias 22 e 23 e o it up! esteve lá para fazer a cobertura do maior evento de moda do estado. O tema desta edição foi “A nossa moda” que levou às passarelas os grandes nomes da moda RN assim como os novos nomes que estão surgindo na cena fashion daqui, além das novidades das marcas que atuam no estado. Estive nos desfiles da sexta, 22, e registrei tudo! Vou postar os destaques da noite pra vocês. Confiram! (Gente, esse verão vai ser coloridíssimo! Tô gamada no amarelo e azul royal!)


Elementais


A Graciosa



Renata Borsatto (pirei nos modelitos! rs)




Ana Luiza Procópio



Jady Rocha
Com a coleção intitulada “Fogo”, a estilista trouxe vestidos curtíssimos e que moldam a silhueta feminina, além de calças largas. Amei os cabelos (tranças) e as pinturas nas modelos. Gente, e essa modelo negra, linda, de vestido azul? (alguém sabe o nome dela?) Arrasou na passarela!




Riccardo San Martini
Foi, realmente, um espetáculo! A coleção EU SOU! Coloridíssima, inspirada nas cores dos Chakras teve uma performance do ginasta Fabrício Senna, de Júnior (Divina Shakira) e Camila Lemos representando respectivamente Krishna, Lakshmi e o EU, a música foi baseada na trilha sonora dos filmes indianos Devdas e Quem quer ser Milionário. Adorei! “Os looks são conceituais, mas se usados com peças básicas, como um jeans, é totalmente usável.“, disse o estilista. As “cabeças” foram assinadas por Cida. O próximo post vai ter o making off dos cabelos e makes de EU SOU! no Instituto de Beleza Cida, além de uma conversa com Cida e dicas super legais da equipe do salão.














>

Diferentemente de muitos estilistas que criam suas coleções inspiradas em tendências, seguindo e “imitando” o estilo de fora, Riccardo San Martini usa a moda para transmitir sua filosofia. Em bate-papo, o estilista fala sobre seus trabalhos, seus novos projetos e a sua coleção de 2010 que será lançada no próximo NFW, em setembro.

Uma de suas coleções, a qual me deixou curiosa para saber de onde surgiu a idéia, foi “Tudo que Você Não Viu” de 2007. Amei!
Foi inspirada num OLHO que via tudo e todos sem ver a ele mesmo e numa mulher que só via a si própria e mais nada. Tive este sonho e pensei em uni-los num casal. Aí veio a coleção, um filme e uma obra de arte contemporânea.

Fale-me sobre a nova coleção de 2010.
Se chama EU SOU! e fala do conceito “ser”. EU SOU é uma frase mágica que pode criar uma constelação, segundo a Física Quântica. É dito que quando se tem a consciência de ser, você se torna.

Sua moda é totalmente conceitual?
Minha moda é noventa por cento conceito e dez por cento elegância. Uso a moda para transmitir minha filosofia da mesma forma o cinema e as obras objetos. Trabalho um conceito por ano.

Suas criações são só para passarela?
Passarela, campanhas em revistas, filmes, palcos de teatro, corpo de clientes particulares e lojas em Milano, Los Angeles, Paris, Curitiba, Assu e agora em Natal.

Cite alguns desses meios em que teve suas criações.
Em passarelas: sete edições da Dragão Fashion no Ceará, três edições da FENIT em São Paulo, quatro edições do SIM (Salão Internacional de Moda) em São Paulo, Bagdá, Tóquio, Paris, Nova York, México…, Salão Pret A Portet em Paris e alguns outros.
Em revistas: Vogue, Elle, Uma, Mag, Contigo, Quem, Caras…
Teatro: sou diretor de arte da Cia Elas.
Música: Cláudia Leite, Lane Cardoso, Hikelia Karen, Jennifer Lopez e muitas outras.
Cinema: Tatoo (Alemão), Viva o Cinema Brasileiro, Mama G, Exodus, Objeto a Mão e, agora, no novo Velozes e Furiosos 5.

Assim como a arte em geral, a moda pode se tornar mais popular? Não podemos negar que ela está direcionada a uma pequena classe social.
Eu acho que a moda já é uma realidade popular.Claro que a alta costura está distante disso, apesar da internet proporcionar muitas informações.

Você já pensou em fazer alguma parceria com uma rede de lojas popular, como o Alexandre Herchcovitch já fez? Assim tornaria suas peças mais acessíveis.
Estou há mais de um ano tentando uma parceria deste tipo. Só tive problemas com antigos agentes, o que atrasou este projeto. Sou pai de família, administro duas empresas (incluindo o Instituto Cida) e gosto de trabalhar com tranquilidade. Estou à espera de um novo agente que possa me representar com seriedade para poder tomar frente de uma grande parceria com a moda popular. Isso só leva um tempinho. Tudo que projetei se realizou e este é o novo projeto!

Quando será lançada a coleção “EU SOU!”?
Em setembro no Natal Fashion Week e será vendida no Mercado Italiano (Petrópolis).

Para Riccardo San Martini, o que é moda?
Ter a consciência de SER! EU SOU!

O que você ouve?
Música clássica e erudita.

Um artista…
Yma Sumac.

Uma cor…
Azul.

Seu trabalho é mais inspiração ou transpiração?
Inspiração! Contrato transpiradores (rs). Sou um criador!

Um ícone fashion atual…
Alexander McQueen.

E um antigo…
Luís XVI de Bourbon e Maria Antonieta.



Bom, meninas e meninos, é isto! Espero que tenham gostado da entrevista porque eu adorei! O Riccardo San Martini, além de talentosíssimo, é muito simpático!
Agora é só esperar o NFW pra ver a nova coleção.






>

Riccardo San Martini, jovem estilista e cineasta potiguar, já trabalha no mundo da moda e das artes há dezesseis anos. É um dos principais, senão o maior representante da moda do estado e do norte-nordeste e do Brasil em se tratando de moda contemporânea.

A moda é para ele uma forma de comunicar e expressar suas idéias acerca do mundo, do homem e de si mesmo. Todos os anos nos surpreende com uma nova coleção. Neste post, mostrarei algumas peças (difícil escolha) de todas as coleções lançadas por ele, além dos croquis, desenhos, pinturas e objetos de arte lindíssimos que é onde o trabalho do estilista começa. Sua moda sempre ressalta a silhueta feminina.
Basstidor (2003) : coleção com cara de galeria de arte. Representação dos maiores pintores de sempre.














Petróleo (2004): em evidência o clássico, glamuroso e rico tom escuro.



Panela de Barro (2005): valorização das texturas e cores do Nordeste brasileiro. Desfile performance. Lindo!




Bendita Sois Vós Dentre as Mulheres (2006): a divindade que toda mulher carrega. Maravilhoso!






Tudo Que Você Não Viu (2007): de um sonho para as passarelas (Freud explica e San Martini também). Minha preferida, amo olhos!











Natureza Viva (2008): o corpo como suporte de arte.



Era Carneiro (2009): a era do nosso tempo, cheia de conflitos e hiprocrisias da sociedade. Coleção protesto.

Confiram no próximo post mais sobre Riccardo San Martini, com um bate-papo/entrevista que tive com ele e novidades sobre a coleção (2010).