Skip to content

It Up!

Category Archives: magri

>

Este ano foi um dos mais movimentados pelos quais já passei. Muitas coisas se passaram ao longo desses trezentos e sessenta e cinco dias (quase) – tanto boas quanto ruins. Vendo de outra forma, hoje penso que essas últimas (as ruins) foram um aprendizado, por isso sinto que foram importantes pra mim. Muitas mudanças e muitas surpresas este ano me proporcionou. Muitas possibilidades surgiram pra mim agora, diria até que é um retorno de coisas que desejei, mas que pelas circunstâncias que a vida nos impõe, elas ficaram guardadas, perdidas numa gaveta, em folhas soltas e em pedaços de papel.

Sou uma pessoa muito inquieta (devo ter um distúrbio qualquer rs) e também muito indecisa, foi meu marido que descobriu isso em mim – e eu concordo com ele. Não sou do tipo de pessoa que quando chega ao fim do ano traça objetivos e faz um monte de promessas (nunca vi nenhuma promessa se cumprir rs). O acaso fica a cargo disto.

Tenho é muitas vontades: de escrever um livro (um não, dois rs), de aprender a costurar, de voltar a desenhar… O problema é que quero tudo ao mesmo tempo e acabo não fazendo nada, vou tentar ser mais organizada e me concentrar numa coisa de cada vez. Talvez a ioga pudesse me ajudar mesmo, né, Rick? Não sei, quem sabe a acupuntura, outra coisa que sempre quis fazer.
Ontem comecei uma das coisas que mais me faz bem: desenhar. Queria muito um moleskine (o meu foi-se) mas não acho aqui em Natal, além do mais são muito caros. Achei um bloquinho bem parecido e por sinal muito bom; não prometo nada, mas vou tentar não fazer lista de compras nele (Magnólia, este bloco é só pra desenho! rs).

tetris love


casa nova e rosa! rs

Enfim, 2010 está terminando e eu estou começando tudo de novo a partir desse finalzinho. Voltei também pra minha casa que está nova de novo. Estou cheia de ideias de decoração (by me), mas nenhuma foi posta em prática ainda, graças a minha indecisão.
O que importa é que estou muito feliz agora. Só preciso cuidar um pouco mais da saúde (isto prometo e vou cumprir kkk).
Essa música é demais!
Beijão é um ótimo fim de ano!
Ah, e não esperem 2011 começar pra colocar em prática o que vocês querem fazer!
Anúncios

>

MAGRI!
Hoje faz um ano, um ano que me tornei mais feliz, um ano que me tornei menos cética, um ano que me tornei mais bonita, um ano que realizei um sonho que nem sequer ousei sonhar. E pensar que tudo começou num encontro inesperado, em fevereiro de 2008, entre palavras, poemas, música… começou com um convite para uma leitura, e eu li, mais que isso: li, gostei e comentei. Comentei com um tremendo sarcástico “filho da p…. machista…” e por aí vai (rs). Ele me respondeu e eu repliquei e assim foi até me tornar sua leitora número 1.
Depois recebi o livro (Dó Maior), nunca um livro me deixou tão feliz! Li ali coisas, poemas escritos pra mim, arte de verdade, arte que respira, que chora, que ri, que ama, que vive!
Mas que loucura é esta?

dois abestado apaixonado

Ninguém acreditava, mas isso não tinha menor importância porque nós acreditávamos e isso bastava. Só o Atlântico nos separava, pensei até em aprender a nadar (rs).
Em 2009 (entre maio e novembro), o encontro, despedida (chorosa e triste) e o reencontro, agora definitivo!

um dia feliz

a despedida

Então há um ano atrás, 26 de novembro (que data linda!), perceberam que não éramos loucos (ok, parecemos um pouco rs).
Nesse um ano, passamos por tantas coisas! Muitos momentos de felicidade e tantos outros de tristeza, dor e sofrimento. E isso fez nos unir ainda mais!

o grande dia

casamento não é pra ser pra sempre? (levamos ao pé da letra rs)

companheirismo+ paixão+ admiração+amizade+respeito=amor

Em 2010, outra loucura, loucura necessária, importante…Chico Cesar explica (rs): “coisas são só coisas, servem só pra tropeçar…”
Piraram de vez!
Nos despedimos para sempre e atravessamos o Atlântico, mas agora juntos! Voltamos um mês e dez dias depois (nosso para sempre durou pouco rs). Nunca aprendi tanto em tão pouco tempo!
Tivemos mais alguns dias ruins, de decepções e desilusões, mas nosso amor e apego só aumenta.

(a princiupezza e o pequeno príncipe rs)

E agora?
Agora tudo está voltando ao seu lugar. Digo isso hoje, mas a qualquer momento, podemos ter um surto psicótico e irmos embora pro Japão, Alemanha,Indonésia ou quem sabe o Canadá (kkkk).
Agora os astros conspiram em nosso favor! Só coisas boas nos tem acontecido. Estamos mais felizes. Ora, se o amor já era imenso há um ano atrás e só aumentou, imaginem agora!
Eu tinha que escrever isto aqui porque quero que todos saibam o quanto duas pessoas são capazes de se amar ao ponto de ceder, de deixar “tudo” pra trás, de não temer (porque os loucos não temem), de agarrar sonhos (aqueles que sonhamos juntos)…
Digo uma coisa pra quem vai ou quer casar: o casamento não prende ninguém, nunca me senti tão livre como agora!
Ricardo Barbosa, amo-te muito, hoje mais que um ano atrás! (o amor tem um pouco de breguice também, mas eu quero é ser brega! kkk)
Nossa trilha sonora, sim temos uma trilha, foi o Chico César quem fez (rs) – “De uns tempos pra cá”. Essa música é demais e resume nossa história.
P.S. Se não fosse por causa dele, o It Up! não existiria. Obrigada, amor meusinho!